2005: o ano do Inter na segunda vez que o Grêmio esteve na série B

- Publicidade -

- Publicidade -

A última Série B disputada pelo Grêmio foi em 2005, ano que o Internacional teve uma temporada totalmente diferente do rival, porém, com uma lembrança ruim. Naquele ano era para o time ter ganhado o Brasileirão, não fosse a arbitragem.

O Colorado papou outro título do Gauchão, mantendo a sua sequência de taças erguidas em solo rio-grandense. Além disso, a equipe jogou também a Copa do Brasil e a Sul-Americana.

Campeonato Gaúcho

- Publicidade -

Com seu maior rival na segundona, o Internacional começou a temporada de 2005, de cara, conquistando pela quarta vez seguida o título do Campeonato Gaúcho. A final do Gauchão foi disputada entre Internacional e 15 de Novembro, com o time do Beira-Rio ganhando os dois jogos.

Copa do Brasil

O Inter não fez uma boa Copa do Brasil. O Clube do Povo eliminou o Chapadão, do Mato Grosso do Sul, na primeira fase e depois bateu o Friburguense, do Rio de Janeiro na segunda fase.

- Publicidade -

O Colorado parou nas oitavas de final contra o Paulista, vencendo em casa por 1 x 0 e perdendo fora pelo mesmo placar, derrotado nos pênaltis. O Paulista foi campeão daquele torneio, batendo o Fluminense na final, time de Abel Braga.

Copa Sul-Americana de 2005

Com uma vitória e um empate na fase de grupos, o Internacional se classificou para as oitavas de final da Sul-Americana, onde eliminou o Rosário Central ,com uma vitória de 1 x 0 no primeiro jogo e um empate de 1 x 1 na segunda partida.

O Colorado acabou caindo nas quartas de final, onde foi eliminado pelo Boca Juniors, que se tornaria campeão da Sul-Americana.

Campeonato Brasileiro de 2005

Com o comando do treinador Muricy Ramalho e jogadores importantes como Clemer, Alex, Tinga, Rafael Sóbis e Fernandão, o Internacional chegou forte na disputa do Brasileirão da Série A de 2005.

O time conseguiu se impor no Campeonato Brasileiro e liderava a competição até a ”Máfia do apito” vir à tona. O ex-árbitro Edílson Pereira de Carvalho se envolveu em um esquema de resultados, onde foi acusado de receber entre R$ 10 e R$ 15 mil reais fixos por jogo. Por conta dessa confusão, o STJD anulou 11 partidas, e o Corinthians acabou se tornando campeão do Brasileiro de 2005.

Além disso, não podemos esquecer do fatídico jogo contra o Corinthians, em que Tinga sofreu um pênalti, o árbitro não marcou e ainda expulsou o jogador do Inter.

Apesar de não ter conquistado o tão sonhado Campeonato Brasileiro, o Internacional garantiu a vaga na Libertadores de 2006. O time, na época comandado por Abel Braga, conquistou a América e foi campeão do mundo, contra o Barcelona, tornando o ano de 2006 um dos mais importantes da história do Colorado.

Comentários do Facebook

- Publicidade -