Tudo numa cidade só? Seleções serão vizinhas durante a Copa do Mundo

O Catar vai acomodar a maioria dos participantes da Copa do Mundo em um raio de 10 km dentro de seu território, nas proximidades da capital Doha e seus subúrbios. A edição será uma das primeiras que acomodará os países como se fossem “vizinhos”.

24 das 32 seleções participantes estarão nas redondezas da capital e a Seleção Brasileira é uma delas. O Brasil se hospedará no Westin Doha Hotel & Spa e os treinos serão no Estádio Grand Hamad. Entre os países que optaram por ficar em bases mais distantes, estão Alemanha, Inglaterra e Bélgica.

“A Copa do Catar 2022 será uma Copa do Mundo como nenhuma outra, com as equipes se beneficiando de sua natureza compacta e da calorosa hospitalidade local. Os jogadores terão mais tempo para treinar e descansar durante a competição, ao mesmo tempo em que poderão experimentar a emoção que tomará conta do país muito mais de perto, já que jogadores e fãs apaixonados de todas as 32 nações estarão reunidos em uma única área”, afirmou Colin Smith, Diretor de Operações da FIFA.

A Copa no Catar apresentará um cenário bem diferente em relação ao mundial da Rússia. Na ocasião, os países ficaram em locais separados e algumas bases tinham distância de 2100 km entre elas, exigindo deslocamento aéreo para a realização das partidas.

Os preparativos para a Copa do Mundo

A Fifa está tratando a edição no Catar como a mais compacta desde a edição de inauguração, em 1930. Por conta disso, a entidade não exigirá o uso de voos domésticos durante o torneio.

O Catar está finalizando os preparativos e a Copa do Mundo será iniciada em novembro – com o encerramento em dezembro. O Brasil caiu no Grupo G da competição, junto com Camarões, Sérvia e Suiça.

Comentários do Facebook

- Publicidade -