UEFA sai na frente e usará nova tecnologia para impedimento antes da FIFA

A Uefa anunciou nesta quarta-feira (03) que a nova tecnologia do impedimento semiautomático será utilizada pela entidade antes que a Fifa. A ferramenta estará presente na Supercopa da Europa e na fase de grupos da Champions League 2022/23.

“A Uefa está constantemente procurando por novas soluções tecnológicas para melhorar o jogo e apoiar o trabalho dos árbitros. Esse sistema inovador vai permitir às equipes de VAR determinar situações de impedimento rapidamente, com mais precisão, aumentando a fluidez do jogo e a consistência das decisões”, declarou em nota o chefe de arbitragem da Uefa, Roberto Rosetti.

O novo sistema conta com câmeras especializadas que conseguem monitorar até 29 pontos diferentes do corpo de cada jogador. Ao todo, 188 testes foram realizados desde 2020, incluindo todas as partidas da Champions League masculina e feminina na temporada passada, além da última Eurocopa para as mulheres.

“O sistema está pronto para ser usado em jogos oficiais e implementado em cada estádio da Champions League”, afirmou Rosetti.

A Uefa está seguindo o mesmo caminho que a Fifa, que anunciou o uso da tecnologia do impedimento semiautomático na Copa do Mundo de 2022.

Catar está quase pronto para receber a Copa do Mundo

Copa do Mundo 2022 será realizada no final do ano e ajustes ainda estão sendo realizados para que o Catar possa receber a competição. O país está quase pronto e a expectativa é de que esteja tudo certo, conforme o planejamento, nos próximos meses.

A Copa do Mundo passou por várias adaptações para lidar com o país-sede. Primeiro, a competição mudou a data e deixou de ser disputada entre junho e julho. Dessa vez, o mundial será entre novembro e dezembro, por conta das altas temperaturas no Catar durante o meio do ano.

“Tivemos de nos adaptar a muitos obstáculos, mas tudo estará pronto a tempo para um grande evento”, disse Hassan Al Thawadi, CEO do Comitê de Entrega e Legado da Copa do Catar, durante entrevista após o sorteio dos grupos do Mundial.

Comentários do Facebook

- Publicidade -