Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

UFC passou pela casa do Inter e teve luta relâmpago

Em 2015, pela primeira vez na história e única, até o momento, o Rio Grande do Sul sediou um evento do UFC, principal organização de MMA do mundo, aliás, os embates aconteceram no Gigantinho, no Beira-Rio, casa do Inter. O evento tinha como luta principal, o empate entre Pezão x Frank Mir.

No primeiro evento realizado no Rio Grande do Sul, os brasileiros não se deram bem em 10 lutas envolvendo lutadores nascidos no Brasil, apenas três vitórias, nenhuma por finalização ou nocaute, contra sete derrotas ao longo da noite.

Em suma, a luta principal daquele evento foi entre Antônio Pezão contra Frank Mir, o brasileiro era muito aguardado pelo público, porém decepcionou no combate, desse modo, com menos de dois minutos, o lutador da casa foi nocauteado pelo norte-americano.

Além disso, no evento co-principal, Edson Barboza era o representante do Brasil, porém também não conseguiu o resultado positivo. O norte-americano Michael Johnson foi melhor em todos os rounds e por decisão unânime dos juízes venceu aquele combate.

Apesar de ter vencido apenas três lutas, para o torcedor brasileiro foram quatro vitórias. Afinal, o argentino Santiago Ponzinibbio foi muito vibrado pela torcida brasileira, o lutador ganhou muito reconhecimento no país quando participou do TUF Brasil 2, que aconteceu em 2013. O hermano ainda entrou no octógono com som do hino Rio-Grandense para o ginásio inteiro delirar.

Por fim, desde aquele evento na casa do Inter, o Rio Grande do Sul nunca mais recebeu outra edição de um UFC. A última vez que o Brasil foi sede da organização foi em março de 2020, que contou com a luta de Charles Do Bronx.