Vinicius Mello revela conversa com Ramírez antes de sair do Inter

O atacante Vinicius Mello fechou com o Charlotte FC, dos Estados Unidos, que é comandado por Miguel Ángel Ramírez. O jogador concedeu entrevista ao programa Show dos Esportes, da Rádio Gaúcha, e revelou uma conversa com o ex-treinador do Internacional.

“Ele conversou comigo, falou que queria muito contar comigo para essa temporada, então acho que ele foi muito importante para essa negociação acontecer”, disse Vinicius.

O atacante falou sobre a oportunidade recebida nos Estados Unidos e ressaltou a importância de Ramírez para que a negociação acontecesse.

“As coisas aconteceram muito rápido, as negociações pegaram meio de surpresa a mim e a minha família. Ficamos muito felizes pela oportunidade, poder jogar lá com o Miguel, que foi meu treinador este ano, me subiu para o profissional, acho que tem tudo para dar certo”, afirmou o centroavante.

Para Vinicius Mello, o estilo de jogo do comandante vai ser positivo para o desenvolvimento do futebol dele no Charlotte FC.

“Com o Ramírez, no profissional, tive pouco contato, até porque subi e ele teve covid. Mas o estilo de jogo dele me agradava muito, porque gostava de buscar a bola, fazer tabelas, combinava com o meu estilo de jogo e acho que vou me adaptar muito bem lá”, salientou o jogador.

Vinicius Mello projetou o futuro da carreira

Vinicius também falou sobre o futuro e afirmou que tem o sonho de jogar no futebol europeu e defender as cores da Seleção Brasileira, mas lembrou que no momento o foco está voltado no Charlotte.

“Acho que todo jogador sonha em representar o seu país, mas primeiramente quero me estabilizar lá no Charlotte, me adaptar ao clube e dar muitas alegrias ao torcedor, para na sequência pensar nisso. Claro que é o sonho de todo jogador atuar na Europa, representar a sua seleção, e para isso preciso primeiro pensar no Charlotte e me adaptar muito bem lá”, analisou o atacante.

Comentários do Facebook

- Publicidade -