Vitão está garantido no Inter até o fim de 2022

Emprestado ao Internacional pelo Shakhtar Donetsk, o zagueiro Vitão está garantido no Beira-Rio até o final da temporada. A nova resolução da Fifa acionou uma cláusula no contrato que já previa a extensão dos conflitos no leste europeu.

Nos últimos dias, a Fifa ampliou a suspensão dos contratos de jogadores de clubes envolvidos no conflito entre Rússia e Ucrânia até junho de 2023. A decisão ativou automaticamente a cláusula que estava prevista no vínculo de empréstimo do defensor.

O Internacional deve anunciar a extensão do contrato de Vitão nos próximos dias. Antes da mudança, o atleta estava emprestado ao Colorado até o final de junho.

Em contrapartida, o Clube do Povo não terá mais o zagueiro Bruno Méndez, que vai retornar ao Corinthians. A direção tentou chegar em um acordo para ter o atleta em definitivo, porém não teve sucesso durante as tratativas e se retirou do negócio.

“O Internacional avançou, fazendo a maior proposta financeira por um atleta. Infelizmente, o Corinthians acha insuficiente esse valor, estamos encerrando as negociações e o Bruno Méndez, contra a vontade dele, volta pro Corinthians”, afirmou o presidente Alessandro Barcellos.

Zagueiro da base pode ganhar espaço no Inter

Por conta da ausência de Méndez, o Colorado terá apenas Mercado, Moledo, Vitão e Kaique Rocha como alternativas no elenco. Até a janela de transferências abrir, o técnico Mano Menezes pode ter que dar espaço para jovens das categorias de base.

O jogador mais cotado para ganhar espaço é Tiago Barbosa, 21 anos, que foi um dos destaques do sub-20 do Internacional na temporada passada. O atleta participou de 29 jogos e marcou quatro gols, sendo promovido aos profissionais do clube em 2022.

O Internacional está monitorando o mercado em busca de alternativas na janela de transferências, porém não tem dinheiro em caixa. Por esse motivo, a direção quer trazer jogadores que estejam em fim de contrato ou que venham por empréstimo.

Comentários do Facebook

- Publicidade -