Vitão rejeitou dois clubes para ficar no Inter

A prorrogação de contrato com o Inter até julho de 2023 demonstrou consideração de Vitão com o clube. O defensor rejeitou ofertas sedutoras para deixar Porto Alegre ainda na metade desta temporada e firmou com o Clube do Povo um vínculo de mais uma temporada. Além de propostas para regressar ao velho continente, o zagueiro também descartou ofertas nacionais.

Uma das rejeições do defensor foi a proposta do AEK Atenas. O clube grego tentou a investida nas últimas semanas e Vitão optou por permanecer no Colorado. Além disso, o Red Bull Bragantino também realizou a tentativa de empréstimo com o zagueiro, que novamente optou pelo Clube do Povo.

Tem sido uma longa caminhada desde que ele deixou a Ucrânia, com o início da guerra contra a Rússia. Tem feito excelentes participações no Inter e, agora, seguirá atuando de maneira tão brilhante quanto antes”, afirmou o empresário de Vitão.

Vitão optou por permanecer no Inter

Titular absoluto com Mano Menezes, Vitão exaltou a felicidade que vive em Porto Alegre. O jogador passou por períodos de turbulência na Ucrânia, por conta dos conflitos com a Rússia. Com isso, o momento que vive na capital gaúcha é digno de ser ressaltado.

“Procurei sempre dar o meu melhor, do primeiro dia que cheguei até hoje. E daqui para frente não vai ser diferente. Estou muito feliz, minha vontade de permanecer não era segredo para ninguém. Feliz em continuar vestindo essa camisa maravilhosa por mais tempo”, disse o zagueiro”, afirmou Vitão.

Atualmente, o jogador forma a dupla de zaga com Gabriel Mercado e é indispensável no time do comandante gaúcho.

- Publicidade -