Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Werder Bremen não quer nem saber e resolve tomar atitude nada legal com Borré

Após o anúncio de Rafael Borré no Internacional, o Werder Bremen tomou uma atitude inesperada com o atacante colombiano. Isso porque, mesmo com a titularidade absoluta no primeiro semestre, ele virou reserva na equipe do futebol alemão. De acordo com o jornalista Lennon Haas, a situação é uma forma de punir o jogador pela negociação com o Colorado.

O centroavante está confirmado no Beira-Rio e será vinculado a partir do mês de julho. Por conta do acordo em meio ao contrato no Werder Bremen, os dirigentes da equipe alemã ficaram incomodados com Borré. Desta forma, eles passaram a procurar por alternativas para punir o jogador, já que ele não deseja permanecer na Alemanha.

A principal alternativa encontrada pela direção foi a diminuição da minutagem no Werder Bremen. Borré passou para o time titular, porém continua sendo utilizado no final do segundo tempo. Com isso, o profissional tem a permanência garantida até o final do contrato e não terá a liberação adiantada para reforçar o Colorado.

Rafael Borré, por sua vez, continua treinando com o restante do elenco e mantém o foco no Werder Bremen. O colombiano só será confirmado como reforço do Colorado a partir de julho – período que marca o término do contrato no futebol alemão.

Rafael Borré reforça o Internacional

O Internacional acertou a contratação do atacante Rafael Santos Borré. O colombiano desembarca em Porto Alegre até o mês de julho. O Colorado, por sua vez, continua buscando por alternativas para liberar o jogador que está emprestado ao Werder Bremen.

“O Sport Club Internacional comunica que o atacante Rafael Santos Borré vestirá o manto vermelho em 2024. O Clube informa que assinou acordo com Borré e o Eintracht Frankfurt para uma transferência de forma definitiva. Oportunamente informaremos a data específica da chegada do atleta. O contrato com o Colorado será válido até dezembro de 2028”, informou o Inter.