Cotado no Inter, Záchia salvou o time do rebaixamento goleando o Corinthians de Neto

Embora não admita publicamente, o Internacional está em busca de um substituto para Papaléo. O dirigente deve deixar o cargo se confirmada a eliminação do time no Gauchão 2022. Desta forma, um dos nomes procurados pela direção foi Luiz Fernando Záchia, que teve passagem pelo Colorado no ano de 1990.

Na época, o clube era presidido por José Asmuz. O mandatário não tinha um bom relacionamento com o então treinador, Ênio Andrade, campeão brasileiro em 1979, que estava em sua terceira passagem. Muito por conta do ambiente ruim, o time estava para ser rebaixado no campeonato nacional.

Assim sendo, Záchia foi chamado pelo presidente para ser o diretor de futebol. Ele convenceu Asmuz e Ênio a continuarem trabalhando juntos, mesmo sem falarem um com o outro.

Com isso, o Colorado reagiu e conseguiu escapar do rebaixamento. Na última partida do Brasileirão, contra o Corinthians de Neto, campeão daquele ano, o time foi ao Pacaembu e fez 3 a 0. O placar foi importante para melhorar o saldo de gols e permanecer na primeira divisão.

Záchia de volta ao Inter?

Luiz Fernando foi um dos nomes sondados pelo clube para o lugar de Papaléo. O vice de futebol deve deixar o cargo após a eliminação no Gauchão. Segundo confidenciou a amigos, o motivo seria a dificuldade de conciliar as atividades no Beira-Rio com as de desembargador.

Assim, surgiu o nome do atual presidente da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), um órgão governamental. Záchia se reuniu com a direção colorada para avaliar a possibilidade de um retorno.

Entretanto, da mesma forma que Papaléo, ele teria dificuldades em exercer as duas atividades ao mesmo tempo. Portanto, ele estaria disposto a ajudar informalmente, mas sem assumir um cargo oficial.

Comentários do Facebook

- Publicidade -