Ausência de Kaique Rocha e o uso do 3-5-2 no Inter

Kaique Rocha se lesionou no último lance da partida, pela estréia do Brasileirão, contra o Atlético-MG, durante o segundo gol de Hulk.

Quando a vitória do Galo estava encaminhada pelo placar de 1 a 0, Hulk recebeu a bola no ataque e avançou para driblar o zagueiro colorado. Sem dificuldades, o atacante alvinegro invadiu a área, e com uma linda cavadinha carimbou a vitória do Galo.

No entanto, Kaique acabou se lesionando após ser driblado. O zagueiro sentiu a coxa e terá de ser reavaliado pelo departamento médico do Internacional.

Lesão de Kaique pode complicar a ideia de Medina

Após um péssimo primeiro tempo, o treinador do Inter mudou o esquema para a segunda etapa. Gabriel Mercado entrou na vaga de Wesley Moraes e atuou como terceiro zagueiro.

A mudança fez o Inter equilibrar a partida. Com isso, o Atlético teve dificuldades para seguir criando chances.

Contudo, a lesão de Kaique Rocha pode complicar a ideia de dar sequência ao esquema. Possivelmente, dois novos zagueiros teriam de ser incluídos ao time titular.

Moledo teria que voltar ao time, após muito tempo afastado por lesão. Mercado ou Vitão, também teriam de ingressar aos titulares para compor o setor defensivo. Sendo assim, dificilmente Medina irá manter a ideia na próxima partida.

O Inter volta a campo na quinta-feira, contra o Guairena, pela Copa Sul-Americana.


Comentários do Facebook

- Publicidade -