Gurias Coloradas passam pelo São Paulo no Brasileirão Sub-16

Time precisou dos pênaltis para avançar

0

As Gurias Coloradas venceram o São Paulo nos pênaltis e estão na final do Brasileirão Sub-16, que será disputada neste domingo (4). O jogo terminou 2×2 e nas penalidades, o time do Rio Grande do Sul fez 5×4 e passou para pegar o Corinthians.

Foto: Adriano Fontes / CBF

Primeiro tempo

O primeiro tempo começou truncado, com as equipes mantendo equilíbrio na posse de bola. Aos 2 minutos Tainá Maranhão fez boa jogada pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro para Bruna Wink, que chutou mascado. A goleira paulista pegou e no rebote Berchon mancou para fora.

O Inter seguiu tentando o gol. Primeiro, aos 26 minutos Berchon passou para Tomé, que encobriu a goleira, mas mandou para fora. Em seguida, mais um ataque promissor que não terminou em gol. A bola até entrou, só que foi anulado por impedimento. No fim do primeiro tempo, 0x0.

Segundo tempo

Na volta do intervalo e antes do primeiro minuto de jogo, o Inter já vencia por 1×0. De longe, Berchon arriscou para o gol, a bola foi ata e rápida, impedindo que a goleira do São Paulo conseguisse fazer a defesa, abrindo o marcador.

Ela realmente era o nome do jogo e aos 11 minutos ampliou o placar. A jogadora cobrou uma falta com perfeição, no lado direito do ataque. A goleira Bruna tentou fazer a defesa em dois tempos, mas a bola morreu no fundo do gol. Gurias Coloradas 2×0.

Mesmo que o Inter tenha dominado todo o jogo, a partida só acaba quando o árbitro apita pela última vez. Já nos acréscimos, a camisa 10 Carol, do São Paulo, mostrou sua qualidade. Primeiro deu uma assistência certeira para Duda Rodrigues descontar e depois cobrou pênalti para deixar tudo igual em 2×2.

Gurias Coloradas passam nos pênaltis

Em tese, o São Paulo chegou melhor aos pênaltis, as meninas tinham empatado no finzinho e chegavam com mais moral, mas isso não quer dizer nada. Amanda Locatelli, Gaby Tomé, Berchon, Mai e Maranhão acertaram suas cobranças.

A goleira Brito pegou a segunda cobrança do time paulista, batida por Ana Júlia. E com isso, o Inter avançou para pegar o Corinthians na decisão.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.