Inter: Após incidente, jogadores pedem mais segurança à direção

Após a vitória sobre o Colo-Colo, no Beira-Rio, houve um incidente envolvendo alguns jogadores do Internacional, na saída do estádio. O lateral-esquerdo Moisés foi xingado e provocado por alguns torcedores. Ao revidar os xingamentos, houve um princípio de confusão. Wesley Moraes também participou do episódio. Após isto, os atletas estão reforçando nos bastidores, o pedido à direção para que exista mais segurança neste trajeto.

Os atletas saem do estádio e atravessam uma passarela em direção ao edifício garagem, onde ficam os seus carros para irem embora. O espaço é comum e de acesso de torcedores, que constamente aparecem ali para pedir autógrafos ou para, em momentos de crise, protestar.

A reclamação de alguns jogadores é que não existe uma segurança grande para os jogadores ali. Eles estão sujeitos a algum engraçadinho querer brigar, agredir, ou acontecer alguma coisa mais séria. O pedido principal é que os atletas possam sair por uma área isolada. Sem ter este contato desprotegido com torcedores.

Ontem, em seu instagram, Moisés criticou a falta de segurança. “Até quando vamos ficar desprotegidos? Estão esperando alguma morte acontecer?” desabafou.

Comentários do Facebook

- Publicidade -