Novo técnico do Melgar já foi finalista da Sul-Americana

Adversário do Internacional nas quartas de final da Copa Sul-Americana, o Melgar, do Peru, teve uma troca recente na comissão técnica. Isso pois o argentino Nestor Lorenzo deixou o comando da equipe para treinar a seleção da Colômbia.

O novo treinador do Melgar é Pablo Lavallén, de 49 anos, que estava no CD Olimpia, de Honduras. Ele também teve passagens por diversos clubes do futebol argentino e a principal delas foi pelo Colón, onde disputou a final da Copa Sul-Americana de 2019.

O técnico foi vice-campeão da competição, já que foi derrotado para o Independiente del Valle na final. A equipe adversária era comandada por Miguel Ángel Ramírez, que teve uma curta passagem pelo Colorado na temporada passada.

A campanha do Colón foi considerada histórica para o clube argentino, já que eles não são considerados um dos cinco grandes no país. Durante o torneio, a equipe eliminou o Atlético-MG na semifinal.

Lavallén vai assumir o Melgar em ótima fase na Copa Sul-Americana e em território nacional. O clube peruano se classificou para as quartas de final da competição continental no meio da semana, ao superar o Deportivo Cali, da Colômbia.

Em território nacional, o Melgar acabou de ser campeão do Apertura 2022 – campeonato nacional do primeiro semestre no futebol peruano.

Melgar pode mudar o estilo de jogo

A mudança na comissão técnica pode fazer a equipe peruana apresentar mudanças no estilo de jogo. No momento, o Melgar é um time que pressiona a saída de bola adversária e que gosta de avançar pelas extremas.

O Melgar conta com Quevedo na direita e Iberico na esquerda, além do atacante argentino Bernardo Cuesta. A equipe tem a característica de tomar poucos gols, mas também marca pouco por conta da defesa sólida e do meio de campo defensivo.

O time é sustentado no meio de campo e conta com dois laterais que gostam de apoiar o ataque: Ramos e Reyna. As subidas dos jogadores pelos lados do campo costumam deixar brechas que permitem o contra-ataque do adversário.

Comentários do Facebook

- Publicidade -