Yuri Alberto foi vendido por 5 vezes mais do que o “Rei da América” do Grêmio

O Inter vendeu Yuri Alberto por cinco vezes mais do que o Grẽmio conseguiu receber pelo “Rei da América” de 2017. Em transferência para o Zenit, da Rússia, o agora ex-colorado foi vendido por 25 milhões de euros. Enquanto o ex-gremista foi vendido por apenas 5 milhões de euros, em 2019.

Luan foi negociado com o Corinthians dois anos depois de ser eleito o melhor jogador da América do Sul, no ano em que o clube venceu a Libertadores. O time paulista pagou 5 milhões de euros (R$ 22,85 milhões, na cotação atual), por 50% dos direitos do meia-atacante. A quantia também encerrou uma dívida por Juninho Capixaba.

Já o Internacional vendeu Yuri por um valor cinco vezes maior. O atacante foi negociado com o Zenit, da Rússia, por 25 milhões de euros (cerca de R$ 150 milhões). Desse montante, pouco mais de 110 milhões de reais vão para o Beira-Rio, pois o Clube do Povo possuía 75% dos direitos do atleta.

E se considerarmos os valores em reais, a diferença foi superior a cinco vezes mais.

Inter agora busca substituto de Yuri Alberto

Apesar de ter contratado Wesley Moraes no início do ano, a diretoria agora terá de buscar uma peça de reposição, depois de confirmada a saída do ex-camisa 11. A esperança do Inter era manter Yuri até o meio do ano. Mas, para tê-lo agora, os russos pagaram uma quantia a mais do oferecido inicialmente.

O alvo para o ataque é o argentino Valentín ‘Taty’ Castellanos. Especulado no Palmeiras no fim da temporada passada, o jogador atua pelo New York FC, da MLS. De acordo com as últimas informações, os clubes conversam a respeito de uma transferência, e um desfecho positivo pode acontecer para o lado vermelho.

Comentários do Facebook

- Publicidade -