Abel Braga vira cidadão de Porto Alegre

O treinador Abel Braga agora é cidadão de Porto Alegre. No Plenário Otávio Rocha, principal auditório da Câmara Municipal, Abel recebeu a honraria. O nome do técnico foi indicado pelo vereador Mauro Pinheiro (PL), e aprovado pelos parlamentares em novembro. 

Após receber o título, ele falou emocionado:

“Cheguei aqui como mais um. Hoje, saio como cidadão de Porto Alegre”.

Anunciado pelo Fluminense recentemente, Abelão quase conquistou o título do Campeonato Brasileiro de 2020 pelo Inter. O Colorado ficou um ponto atrás do Flamengo, e por pouco não encerrou um jejum que durava 41 anos – hoje, 42.

Carreira de Abel Braga

Nascido no Rio de Janeiro, o zagueiro Abel Braga começou no Fluminense. Ao longo da carreira, passou por Figueirense, Vasco da Gama, Paris Saint-Germain, Cruzeiro, Botafogo e Goytacaz. Pela seleção brasileira, esteve no elenco que disputou a Copa do Mundo de 1978.

No entanto, foi como treinador que Abel se fez notável de fato. A lista dos clubes pelos quais passou é extensa. Porém, foi no Fluminense e no Internacional que ele fez os seus melhores trabalhos. No Tricolor carioca, conquistou o Campeonato Brasileiro de 2012.

No Beira-Rio, em sua última passagem, em fevereiro deste ano, se tornou o técnico que mais dirigiu o Internacional na história, superando Teté. Foi na terceira vez que comandou o Colorado que Abel entrou para a história do clube.

Em 2006, após um início de temporada complicado e a derrota no Campeonato Gaúcho, ele recuperou a confiança do grupo para um ano mágico que estava por vir. Primeiro veio o título da Copa Libertadores e depois o Mundial de Clubes, derrotando o poderoso Barcelona. Pelo Colorado ainda conquistou um Gauchão em 2008 e em 2014.

Comentários do Facebook

- Publicidade -