D’Alessandro revela premonição em 2016 e volta ao Inter em 2017

Em entrevista concedida ao ‘Bem Amigos’, D’Alessandro revelou um fato curioso sobre a volta dele ao Internacional, em 2017. No ano do rebaixamento do Colorado, o argentino havia sido emprestado ao River Plate. Entretanto, como tinha contrato, retornou ao Beira-Rio para disputar a Série B.

“Entendi que não tinha como fazer um trabalho igual em 2015, para conquistar é muito difícil, mas para destruir… eu nunca me senti fora do clube totalmente e por isso fui para o River Plate. E quando o Inter caiu, não tinha como dar as costas para o clube”, disse o ídolo colorado.

Na oportunidade, D’Ale voltou para o Clube do Povo e foi peça fundamental do time que retornou à elite do futebol brasileiro. O que não se sabia a respeito dessa volta era o caráter premonitório, digamos assim, dela.

“Quando o Inter caiu eu tinha contrato com o clube, tinha a possibilidade de renovar o empréstimo por mais um ano. Havia a chance de continuar mais um ano”, disse o camisa 10, revelando uma possibilidade de permanecer no Colorado na época.

Os números de D’Alessandro traduzem parte da idolatria no Clube do Povo

Ainda na entrevista, o ídolo mostrou modéstia ao falar da relação que tem com o torcedor e do papel na história do clube.

“Não posso me colocar em um lugar desse, porque acho que o primeiro erro que podemos ter é se colocar na história de um clube. Quem pode te colocar é o torcedor. Nunca imaginei ter essa relação, mas ele, o torcedor, te coloca na posição que você merece ou na posição que ele acha que deve estar”, disse.

Com a camisa vermelha, o argentino fez 529 jogos, o segundo atleta no ranking de partidas pelo clube. Além disso, conquistou 12 títulos, marcou 97 gols e deu 113 assistências.

Comentários do Facebook

- Publicidade -