Indicado ao Inter por Medina, De Pena ganha espaço com Mano Menezes

Contratado pelo Internacional a pedido de Alexander Medina, Carlos de Pena ganha espaço. Assim como acontece muito no futebol brasileiro, era “natural” que o atacante ficasse encostado após a saída do treinador que o indicou. No entanto, o uruguaio mostra que pode se firmar com Mano Menezes no comando.

Na primeira partida de Mano, na vitória sobre o Fluminense por 1 a 0, no último sábado (23), o jogador foi titular. A confiança do treinador foi justificada, pois foi dos pés do uruguaio que saiu o gol da vitória. Após troca de passes do Colorado, De Pena recebeu na esquerda e cruzou por baixo para Alemão marcar.

Foi a quarta partida completa do uruguaio de 30 anos com a camisa vermelha. Ele atuou contra Fluminense, Fortaleza, Guaireña e Atlético-MG. Além de 18 minutos na estreia da Sul-Americana contra o 9 de Octubre. Versátil, o atleta já foi utilizado mais centralizado e até mesmo como lateral.

“A escolha de um homem mais agudo pela esquerda possibilitou equilibrar mais, tivemos saídas boas pelo lado. E gostei que a equipe esteve mais segura”, disse Mano depois da vitória sobre o Flu.

Heróis improváveis do Inter

As poucas alegrias do torcedor colorado nesta temporada tem origens improváveis. Na ponta, o uruguaio começa a ganhar a confiança da torcida, assim como Alexandre Alemão no ataque.

Contra o Fortaleza, foi do centroavante o gol da virada que deu a vitória ao time na despedida de D’Alessandro. No sábado, o camisa 35 voltou a decidir e marcar o gol da vitória, desta vez com assistência do camisa 14.

Enquanto isso, os reforços mais badalados, como Wesley Moraes, seguem devendo futebol no ano. O centroavante, por exemplo, fez apenas dois gols em 15 jogos.

Comentários do Facebook

- Publicidade -