Edenilson não aguenta vaias e é um dos piores do Inter contra o Aimoré

O Internacional ganhou do Aimoré por 1 a 0 e conseguiu respirar no Gauchão 2022. Apesar do resultado positivo, vários jogadores do time de Cacique Medina não apresentaram um bom rendimento e tiveram que lidar com as criticas da torcida.

Um desses jogadores foi o volante Edenilson, que foi vaiado durante quase toda a partida. O atleta foi um dos maiores alvos da torcida, juntamente com Víctor Cuesta e Moisés. Rodrigo Dourado, que nem chegou a entrar, também foi bastante criticado.

Destaque do Internacional na temporada passada, Edenilson parece ter sentido o peso das vaias foi um dos piores jogadores da partida. O volante cometeu vários erros e teve uma atuação apagada na maior parte do jogo.

Um dos poucos momentos positivos do atleta foi durante o passe para David no lance do gol. Com o desempenho abaixo do esperado, Edenilson foi substituído por Johnny, aos 23 minutos do segundo tempo.

Mesmo com as criticas, o volante deve continuar entre os titulares e fará parte da preparação para a próxima partida, contra o Grêmio. As duas equipes se enfrentam nesta quarta-feira (9), às 21h, no Estádio Beira-Rio, pela 9° rodada do Gauchão.

Medina comentou após a vitória

O técnico Cacique Medina concedeu entrevista coletiva após a vitória contra o Aimoré. O treinador falou sobre o desempenho do Colorado nas últimas partidas e disse que tem o desejo que a equipe apresente a melhor versão em breve.

“Espero que a melhor versão apareça o quanto antes. Temos 50 dias de trabalho, é muito pouco. É um processo que não se pode dizer quanto tempo levará, mas vamos melhorando através dos resultados, que dão confiança. Confio no trabalho. Internamente no clube há uma valorização do trabalho diário”, salientou Medina.

Comentários do Facebook

- Publicidade -