Inter teria perdido o jogo se não fosse o goleiro Daniel

O Internacional escapou por pouco de mais uma derrota na temporada, contra o 9 de Octubre, nesta quarta-feira (6). Depois de fazer 2 a 0, o time de Medina cedeu o empate aos equatorianos e viu o adversário crescer no segundo tempo. Não fosse pelo goleiro Daniel, o resultado poderia ser outro.

Durante o primeiro tempo, tudo parecia controlado, de certa forma. O Colorado fez dois gols e pouco sofreu com um 9 de Octubre que não conseguia fazer muita coisa. Os equatorianos terminaram os primeiros 45 minutos de jogo com três finalizações, sendo apenas uma na direção do gol.

Entretanto, a segunda etapa começou diferente. Os donos da casa, precisando reverter o resultado, se lançaram ao ataque. A mudança de postura surtiu efeito e a equipe melhorou consideravelmente, passando a levar perigo ao Clube do Povo, que passou a se concentrar na defesa.

Daniel salvou o Internacional

Apesar dos dois gols tomados na etapa complementar, o goleiro foi o grande responsável pelo empate do time. Os dois gols marcados pela equipe do Equador foram de bola parada, e não tiveram participação decisiva do arqueiro.

Logo aos 12 minutos, o goleiro fez uma defesa espetacular. Antes do primeiro gol sofrido, em escanteio cobrado pela direita, Mauro da Luz cabeceou completamente livre e ele se esticou todo para salvar.

O 9 de Octubre continuou em cima do Colorado. Philips soltou forte chute que parou nas mãos do goleiro. Depois, ele segurou nova finalização, desta vez de Luna, aos 36 minutos.

No fim do jogo, Daniel ainda fez mais uma defesa para garantir o empate da equipe. Ao todo, foram 7 defesas no segundo tempo, o que traduz a contribuição do jogador, pois o adversário finalizou 9 vezes no gol.

Comentários do Facebook

- Publicidade -