Internacional vai precisar jogar mais vezes na Copa do Brasil

Fora da Taça Libertadores após 3 anos seguidos participando da competição, o Internacional terá que jogar mais jogos na Copa do Brasil de 2022.

Isso porque quem se classifica para a Libertadores já entra diretamente na terceira fase, tirando a possibilidade de ser desclassificado precocemente na competição.

Como funciona a primeira fase da Copa do Brasil?

A primeira fase do torneio começa bem enxuta, com 80 clubes distribuídos em 40 confrontos. A segunda fase são 40 clubes distribuídos em 20 confrontos. A terceira fase, que conta com a entrada de 12 times classificados, é definida em 32 clubes distribuídos em 16 confrontos.

Com nove clubes brasileiros classificados para a próxima edição da Libertadores, confira quem entra na terceira fase.

  • 9 clubes classificados para CONMEBOL Libertadores (Atlético-MG, Flamengo, Palmeiras, Corinthians, Fortaleza, Bragantino, Fluminense, América-MG e Athletico)
  • 1 clube campeão da Copa do Nordeste 2020 (Ceará)
  • 1 clube campeão da Copa Verde 2020 (Remo)
  • 1 clube campeão da Série B 2020 (Botafogo)

Campeão em 1992, o Inter vai em busca do seu segundo título na Copa do Brasil. O Clube enxerga o campeonato como uma oportunidade financeira e também de classificação para a Libertadores, já que o vencedor da competição tem vaga garantida automaticamente na maior competição do continente.

Com a saída de Diego Aguirre confirmada, o Internacional está de olho no mercado para contratar um novo técnico, porém, a diretoria prega paciência na hora de fazer a escolha do novo professor.

Comentários do Facebook

- Publicidade -