Jornalista confirma que Abel Braga aceitaria trabalhar novamente com Barcellos

Abel Braga é o técnico que mais treinou o Internacional na história. Mas, sua saída no fim de fevereiro ainda gera controvérsias.

0

Alessandro Barcellos foi eleito presidente do Internacional no fim de 2020 e assumiu em janeiro. Ele manteve Abel Braga como técnico, já que os últimos resultados haviam sido positivos e assim o Inter acumulou vitórias até o vice-campeonato. Mas, será que o técnico aceitaria voltar ao clube?

O jornalista Fabiano Baldasso publicou em suas redes sociais que Abel não aceitaria mais trabalhar no Inter enquanto Barcellos fosse o presidente. Segundo ele, os primeiros meses do ano não foram bem-vistos por Abelão. Além disso, o técnico teria ficado magoado por ser trocado.

O jornalista Filipe Moreira conversou com Abel Braga e publicou no Twitter a sua versão para a situação. Então, o treinador que mais dirigiu o Inter disse que não havia qualquer problema em voltar a comandar o clube. Portanto, a versão de Baldasso acabou caindo.

Abel Braga viveu situação parecida no passado

O maior ano da história do Internacional foi 2006 e o técnico era Abel Braga. Contudo, em 2007 as coisas mudaram e o time começou de maneira fraca a temporada, indo mal no Gauchão e caindo na fase de grupos da Libertadores.

Abel Braga participou dos primeiros meses da gestão Barcellos e chegou ao vice-campeonato brasileiro.

Abel saiu do clube e retornou no mesmo ano. Essa é uma prova de que mesmo em uma temporada quase perfeita, manter o técnico para o ano seguinte pode não ser o melhor caminho.

Dessa vez, mesmo com o vice do Brasileirão, Alessandro Barcellos preferiu manter o acordo com Miguel Ángel Ramírez e trocar o treinador. Não havia nada oficial e Abel Braga pedia apenas transparência na relação.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.