“Não está bom”, diz comentarista sobre o trabalho de Medina

O Internacional perdeu para o São José por 3 a 2 e volta a apresentar um desempenho preocupante no Gauchão 2022. Após o resultado, o Colorado ficou em terceiro lugar e pode ficar fora do G4 a partir da próxima rodada.

Depois da derrota para o São José, o jornalista Maurício Saravia fez uma analise sobre o desempenho do técnico Cacique Medina. Segundo o comentarista, o trabalho do treinador “não está bom”, mas pode melhorar no futuro.

“Não digo que o trabalho não é bom porque ser é o verbo do definitivo. Uso o estar, que é transitório. O que não está bom, pode se tornar bom. O que é ruim, ruim será”, afirmou Saraiva.

O jornalista destacou os resultados apresentados pelo Internacional e comentou que, desde o início da temporada 2022, o Colorado não fez nenhuma boa atuação.

“Nenhuma boa atuação, duas derrotas tomando três gols por jogo e dois empates no Beira-Rio contra o Novo Hamburgo sem treinador e o Brasil de Pelotas sem cinco titulares”, disse Maurício.

O Clube do Povo segue focado no Gauchão 2022 e começou a preparação para o próximo adversário. O Internacional enfrenta o Grêmio, no sábado (26), às 19h, no Estádio Beira-Rio, pela 9° rodada da competição.

Medina não foi o único criticado

O comentarista não deixou de criticar a direção, que, segundo ele, tem responsabilidade na campanha por conta do atraso para trazer as peças pedidas pelo treinador. O clássico contra o Grêmio também foi citado como um fator que pode agravar a situação.

“A direção tem parte relevante no trabalho ao atrasar a entrega de peças para Medina jogar à la Medina. E o treinador anda se atrapalhando nas escolhas com as peças já disponíveis. A turbulência de perder para o São José vai para o Gre-Nal do Beira-Rio. Pode diluir ou agravar com o resultado do clássico”, salientou o jornalista.

Comentários do Facebook

- Publicidade -