TJD nega pedido do Grêmio que prejudicaria torcedores colorados e gremistas

O Grêmio entrou com um pedido no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), solicitando que o GreNal 435 fosse disputado sem público. Poucas horas antes do jogo, tentaram essa última cartada contra o Internacional, contra os torcedores colorados e mesmo gremistas, que estão preparados para ir ao jogo.

Porém, o TJD tratou de derrubar logo o pedido, dizendo não aos advogados do Grêmio. O presidente tricolor, Romildo Bolzan, continua lamentando e ainda tentará levar o caso para outras instâncias. O vice de futebol do Inter, Emílio Papaléo, falou com a Rádio Gaúcha:

“O que passou já passou. As autoridades competentes já estão apurando”, disse o dirigente do Inter.

Papaléo disse ainda sobre o que pensa do trabalho dos dirigentes: “A missão do dirigente é passar uma mensagem de tranquilidade ao torcedor. Temos que dizer para o torcedor ir ao estádio, apoie o clube”, comentou.

Comentários do Facebook

- Publicidade -